domingo, 24 de abril de 2016

"Bela, Recatada, e Do Lar" - O Universo do Feminismo

Olá Cacheadas!

Vamos tratar hoje de um assunto polêmico! Toda essa história de “bela, recatada e do lar” tem chamado muita atenção na mídia ultimamente. A reportagem da revista Veja incomodou muitas feministas. E bem, como eu tenho falado muito sobre a liberdade das mulheres acho que vale a pena discutir isso aqui.
Quando eu pensei em falar disso aqui tive um pouco de receio sobre como abordar. Afinal, tudo quando se trata de temas polêmicos tudo que eu disser pode ser usado contra mim. Comentários de ambos os lados me aborreceram muito. Afinal, acredito que independente da opinião de cada um devemos respeitar a do outro.
Pois bem, vamos direto ao ponto. O que há de errado na reportagem da Veja? A matéria fala da esposa do vice-presidente Michel Temer, a Marcela Temer. A revista descreve Marcela como sendo bela, recatada e do lar, e diz que o vice é um homem de sorte por ter uma mulher assim.  Não tenho nada contra pessoas como Marcela. O que está em questão não são as escolhas dela e sim a maneira como a revista enfatizou essas qualidades. Um homem pode ter sorte de ter uma mulher que escolheu trabalhar e contribuir igualmente com as despesas, não? Quando falo aqui no blog que crespas e cacheadas não precisam alisar o cabelo porque alguém alisa, estou falando que não existem padrões. Que todas nós temos o direito de nos comportar à nossa maneira. Da mesma forma, se Marcela Temer escolheu ser dona de casa, vestir roupas que cobrem mais o corpo, ela está no direito dela. Mas quando uma revista que tem tanto poder de influência sobre os brasileiros começa a usar esses traços de sua personalidade como qualidade, isso acaba induzindo a ideia de que quem se comporta de maneira diferente está errado. As escolhas de alguém não podem ser tratadas como exemplo, apenas como características de sua personalidade. No Brasil existem outros milhões de homens de sorte por terem mulheres exemplares como esposas. Cada uma dessas mulheres fez sua própria escolha. Existem muitas crianças de sorte por que tem mulheres exemplares como mãe. Cada uma tem a sua história. Milhares de empregadores de sorte por ter mulheres exemplares como funcionárias. Cada uma seguiu por um caminho. Tantos funcionários de sorte que têm mulheres exemplares como líder. Cada uma venceu à sua maneira.

Tantas mulheres exemplares, que mudam o mundo ao seu redor.














Obs.: Imagens retiradas do google.

Todas as mulheres merecem respeito independente de suas escolhas pessoais.